sábado, 2 de julho de 2011

Alexandre Lunelli toma posse na Prefeitura de Brasil Novo

Acontece neste domingo a cerimonia solene de posse do prefeito eleito de Brasil Novo, Alexandre Lunelli e Aurino Martins, Vice Prefeito do municipio de Brasi lNovo.

Adeus a Itamar Franco


Partiu hoje o senador e ex-presidente da República Itamar Franco, aos 81 anos.

Desde o dia 21, ele estava na Unidade de Terapia Intensiva para se recuperar de uma pneumonia grave e respirava por aparelho e neste sábado, no Hospital Albert Einstein, sofreu um acidente vascular cerebral (AVC). Itamar enfrentava uma leucemia.

O corpo do ex-presidente deve ser levado para Juiz de Fora, em Minas Gerais, no domingo, segundo informações da assessoria do Albert Einstein.

Itamar presidiu o país entre 1992 e 1994, depois do impeachment do ex-presidente Fernando Collor de Mello. Durante seu mandato criou o Plano Real.

A presidenta Dilma Rousseff divulgou nota oficial lamentando a morte do ex-presidente e senador Itamar Franco. Veja a nota na íntegra:

"Foi com tristeza que recebi a notícia do falecimento do senador e ex-presidente Itamar Franco. Dirigente do país em um momento crucial da nossa história recente, o presidente Itamar nos deixa uma trajetória exemplar de honradez pública. O Brasil e Minas sentirão a sua falta. Neste momento de dor, quero transmitir meus sentimentos a seus familiares e amigos."

TRAJETÓRIA

Engenheiro civil, foi prefeito por duas vezes e, em 1974, elegeu-se senador pelo MDB, partido de oposição ao regime militar (1964-1985), sendo reeleito em 1982.

Em 1989 lançou-se candidato a vice-presidente na chapa do extinto Partido da Reconstrução Nacional (PRN), encabeçada pelo então governador de Alagoas Fernando Collor de Mello. Com o impeachment de Collor em 1992, Itamar tornou-se presidente da República.

Foi governador de Minas Gerais em 1998. Também foi embaixador do Brasil em Lisboa, Roma e na Organização dos Estados Americanos (OEA).

Se elegeu senador por Minas Gerais pelo PPS em 2010 com 5,1 milhões de votos. Seu mandato como senador iria até 2019.

ENCONTRO ESTADUAL DO PARTIDO DOS TRABALHADORES

Começou às oito da noite, dia 02/07, o encontro estadual do PT. A abertura foi feita pelo presidente João Batista. O debate inicial foi feito pelo professor da Universidade Estadual de Campinas Jorge Mattoso. A ex governadora Ana Julia esteve presente. O livro virtual do deputado Airton Faleiro foi bem visitado.

Assessoria de comunicação.

quinta-feira, 30 de junho de 2011

Partido dos Trabalhadores em Encontro Estadual este fim de semana

Ascom – PT/Pará

O Partido dos Trabalhadores do Pará realiza neste final de semana Encontro Estadual que vai definir as estratégias políticas de ação para as eleições dos próximos anos. Outros dois pontos centrais do evento são os debates em torno de uma ampla análise da conjuntura atual e um debate especifico sobre a Reforma Política, assunto que está em pauta no Congresso Nacional. O Encontro terá a presença do presidente nacional do PT, Rui Falcão, que está visitando diversos estados brasileiros discutindo com dirigentes e militantes do partido. O evento acontece no Hotel Beira Rio e começa na sexta-feira à noite com o debate aberto promovido pela Fundação Perseu Abramo, “Brasil hoje e suas perspectivas”, se estendendo por todo o dia de sábado, 2 de junho, somente para delegados eleitos nos encontros municipais.

O Encontro Estadual do PT Pará é o resultado de um processo de encontros municipais iniciado em março passado mobilizando centenas de militantes para debater a organização partidária. No total foram 75 diretórios municipais que promoveram seus debates e elegeram delegados para participar do encontro deste final de semana, quando são esperados cerca de 500 participantes. Além de membros da Executiva Estadual, estarão presentes parlamentares, presidentes de diretórios, prefeitos e demais lideranças políticas do partido.

Agenda Rui Falcão em Belém – Vindo de Manaus depois de ter passado nos últimos dias por Fortaleza, Teresina, Manaus o presidente do PT, Rui Falcão chega a Belém no sábado, dia 02, pela manhã. Ás 09:00 participa de coletiva com a imprensa, no Hotel Beira Rio; às dez horas faz a abertura do Encontro Estadual do PT e às 13 horas participa de almoço com a executiva estadual do partido, deputados federais e estaduais. A tarde embarca para Macapá, dando continuidade, assim, a série de viagens que está realizando desde o mês de maio pelos estados para discutir com dirigentes e militantes metas e estratégias eleitorais do partido para ás eleições municipais de 2012 e promover um debate mais aprofundado sobre a Reforma Política.

Debate – “Brasil hoje e suas perspectivas” – O debate começa às 19 horas da sexta-feira, (01/06) no Hotel Beira Rio e tem como linha temática principal a discussão sobre os inúmeros desafios que o Brasil enfrentará nos próximos anos para promover o crescimento econômico com desenvolvimento sustentável. Como palestrante estará o economista Jorge Matoso, professor da Unicamp e autor de vários livros, entre os quais “Brasil desempregado”. Outros participantes são o presidente da Fundação Perseu Abramo, Nilmário Miranda e o secretário geral do PT nacional, Elói Pietá. O debate acontece em vários estados e a Fundação Perseu Abramo está aproveitando a ocasião para lançar as duas mais novas coleções de seu acervo: “2003-2010 O Brasil em Transformação” e “Brasil em debate”, série de livros que reúnem análises sobre a atuação dos dois governos de Luiz Inácio Lula da Silva para a elaboração de um novo projeto de país.


Viagem à China e Sessão Solene na Alepa


MISSÃO SHANDONG O deputado partiu ontem pela manhã com a comitiva que vai à China em uma missão governamental e empresarial. A chegada a Pequim/Beijing está prevista para amanhã, sexta-feira.

SESSÃO SOLENE NA ALEPA: Faleiro concede título a diretores da Eletronorte e Eletrobrás e ao casal de ambientalistas assassinados em Nova Ipixuna.


O diretor da Eletrobrás, Valter Cardeal e o diretor da Eletronorte, Ademar Palocci, serão agraciados com o título “Cidadão do Pará”. Os ambientalistas José Cláudio Ribeiro e Maria do Espírito Santo, mortos em uma emboscada, no mês de maio, em Nova Ipixuna, receberão o título “Honra ao Mérito” Post-Mortem.

A honraria foi uma indicação do deputado estadual Aírton Faleiro (PT) por meio de Decreto Legislativo. A cerimônia de entrega acontece na manhã desta quinta-feira, no plenário Newton Miranda, na Assembléia Legislativa (Alepa) e marca o encerramento das aividades no Legislativo.

Representantes receberão título em nomes dos agraciados:

· Miguel Sebastião Fonteles (Ademar Palocci)

· Alváro Bressan (Valter Cardeal)

· José Cláudio Ribeiro JR. (José Cláudio Ribeiro)

· Laisa Santos Sampaio (Maria do Espírito Santo)


terça-feira, 28 de junho de 2011

Valter Cardeal recebe título de Cidadão do Pará.


Honra Mérito Post Mortem aos extrativistas José Cláudio e Maria do Espírito Santo.




MISSÃO GOVERNAMENTAL E EMPRESARIAL À CHINA – MISSÃO SHANDONG (29 DE JUNHO A 9 DE JULHO)

Por Assessoria de Comunicação

O deputado estadual Aírton Faleiro (PT) está entre os parlamentares que integram a Missão Governamental e Empresarial à China – Missão Shandong. Também fazem os deputados Martinho Carmona (PMDB), Cássio Andrade (PSB), Fernando Coimbra (PDT) e Eliel Faustino (PR), além dos representantes da Secretaria de Projetos Especiais, Sidney Rosa e Fátima Gonçalves, o representante da prefeitura de Castanhal, Hélio leite e o empresário Eduardo Repossi Rosa (Rosa Madeireira).

O ponto de chegada é Beijing ou Pequim, capital da República Popular da China e a segunda cidade mais populosa. Em virtude de sua localização espacial tornou-se importante nó ferroviário, estando ligada a Kaslgan, Mongólia, Tientsin, Manchúria e ao sul do país. É uma destacada cidade industrial, onde predominam as indústrias de algodão, fibras sintéticas, lubrificantes, eletrônicas, de construção civil e derivados da indústria alimentar. Também tem um forte caráter eminentemente histórico e cultural.

A missão visitará as empresas elevated High Speed Bus, Hopefull Corporation e o Escritório da Câmara de Comércio e Indústria Brasil China. O objetivo é conhecer as instalações e prospectar negócios. Também se reunirão com as empresas do setor de carne: Beijing Sunway e BingTiangDonDi. Está marcadda uma visita ao Centro de Distribuição da ApexBrasil com o objetivo de conhecer o centro e analisar a entrada de produtos paraenses na China com o apoio da Apex.

Na província de Shadong, a missão visitará as cidades de Jinan, Qufu e Liaocheng. Além de conhecer a estrutura, organização e potencialidades está marcada uma visita ao templo de Confúncio, em Qufu. Em Liaocheng a missão visitará a empresa Guanfeng Group para conhecer e discutir os próximos passos do investimento no Pará. Também está prevista uma visita ao Parque Metal Mecânico, para a prospecção de parcerias.

O grupo se reunirá com representantes do Escritório de Assuntos Exteriores do Governo da província de Shandong, com o objetivo de retomar acordos e definir próximos passos. Também haverá visitas às empresas Inspur e Sinotruk

Faz parte da programação uma entrevista com o líder da Conferência Consultiva Política de Província da Shandong. A Missão à China encerra com uma visita à empresa Taian Luneng.

Duplo assassinato no Pará: Ministério da Justiça responde ofício.

Resposta do Ministério da Justiça ao ofício enviado por meu gabinete, sobre a investigação do assassinato do casal de extrativistas, João Cláudio e Maria do Espírito Santo, em Nova Ipixuna.

segunda-feira, 27 de junho de 2011

Brasil se orgulha de ser uma grande potência produtora de alimentos

Fonte: Blog do Planalto

O financiamento para a produção de alimentos e a eleição José Graziano da Silva para o cargo de diretor-geral da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) dominaram o programa Café com a Presidenta desta segunda-feira (27/6).

Na entrevista semanal, transmitida em rede de rádio para todo o país, a presidenta Dilma Rousseff destacou o fato de que “o Brasil se orgulha de ser uma grande potência produtora de alimentos”. “Somos os maiores produtores exportadores do mundo: de suco de laranja, de carne, de açúcar, de café. E vamos manter essa posição e avançar um pouco mais”, destacou. “Mas o importante é colocar isso tudo à disposição das pessoas. Acima de tudo, Luciano, estamos garantindo alimentação de qualidade para os brasileiros e para quem compra nossos produtos no exterior.”

A presidenta Dilma iniciou a entrevista explicando que o governo destinará R$ 107 bilhões para o financiamento da safra 2011/2012 que se inicia no próximo mês. Segundo explicou, o recurso permitirá aos produtores “investir, comprar sementes, preparar a terra, comprar novas máquinas e financiar a comercialização da produção do próximo ano”. Para nós, prosseguiu, é importante que os agricultores tenham condições de aumentar a produção e ter mais renda.

Dilma Rosuseff disse que assim sendo, “os benefícios voltam para o povo brasileiro em forma de alimento, de mais emprego e de lucro para o próprio país, com as exportações”. E tem mais, continuou, quando produzimos mais alimentos, os preços para o consumidor tendem a cair. Ou seja, todo mundo ganha. A presidenta afirmou que, deste modo, o Brasil se mantém como um dos maiores produtores de alimentos do mundo.

“Exatamente, Luciano [Luciano Seixas, apresentador do programa]. A safra que está se encerrando já é recorde, com uma produção de quase 162 milhões de toneladas – é muita coisa, Luciano. Com esse plano, esperamos alcançar um novo recorde de produção no próximo ano. Em termos de alimentos, o Brasil se orgulha de ser uma grande potência produtora de alimentos, somos os maiores produtores exportadores do mundo: de suco de laranja, de carne, de açúcar, de café. E vamos manter essa posição e avançar um pouco mais. Mas o importante é colocar isso tudo à disposição das pessoas. Acima de tudo, estamos garantindo alimentação de qualidade para os brasileiros e para quem compra nossos produtos no exterior.”

Se por um lado o governo libera crédito para o grande produtor rural, por outro, há um plano que tem por objetivo atender agricultores de pequeno e médio portes. Segundo contou, estes produtores precisam receber tratamento diferenciado por parte do governo federal. “E essa parcela, precisa ser tratada de forma diferente”, afirmou.

“Por isso, nós estamos aprimorando as ações para o médio produtor, que vai ter mais crédito e melhores condições de financiamento pelo Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor. Vão ser mais de R$ 8 bilhões. E também ampliamos o limite da renda para que um agricultor possa participar. Assim, mais produtores vão poder pegar empréstimos com juros mais baixos.”

Uma das novidades, segundo contou, no ‘Plano Safra’ 2011/2012, será a ampliação do crédito para os pecuaristas. “O Brasil é um grande produtor exportador de carne”, iniciou a explicação. Esse setor, disse a presidenta, cresceu nos últimos anos, mas poderia ter crescido muito mais e melhor. Por isso, vamos abrir linhas de crédito e dar financiamento de até R$ 750 mil para que o pecuarista compre vacas e touros para melhorar o seu rebanho.

“Vai ter também crédito para a recuperação de pastagens. Com isso, vamos diminuir o desmatamento. Tem muita terra boa que pode ser recuperada e produzir mais carne para nós e para o mundo.”

Enquanto segue com a meta de aumento da produção de grãos, o plano para a próxima safra também privilegiará os produtores que contribuam para reduzir os efeitos na mudança do clima por meio do programa ‘Agricultura de Baixo Carbono’. “Esse programa foi criado para ajudar nossos produtores agrícolas a adotar técnicas de produção que contribuam para diminuir os efeitos da mudança do clima. Vamos mostrar que o Brasil sabe combinar preservação ambiental com a produção sustentável de alimentos”, informou.

Dilma Rousseff disse também que o governo prepara o lançamento, na próxima sexta-feira (1º/7), em Francisco Beltrão (PR), do ‘Plano Safra da Agricultura Familiar’. Ela concluiu a entrevista comentando a eleição de Graziano da Silva para diretor-geral da FAO: “Significa o reconhecimento por parte das Nações Unidas da contribuição que o Brasil tem dado para as ações de combate à fome.”

“É muito importante porque, agora, começam as discussões em torno da necessidade de produção de alimentos para as gerações futuras. O governo brasileiro demonstrou, nas suas políticas, que é preciso que o alimento chegue a todos. Demos nossa contribuição. O nosso querido amigo Graziano terá todo o apoio do governo brasileiro para levar essas soluções a FAO, mostrando que é possível compatibilizar o combate à fome, a melhoria de renda dos agricultores e uma produção de alimentos que só cresce em quantidade e produtividade.”

Caixa inicia operações da segunda fase do Minha Casa, Minha Vida

Fonte: Agência Brasil

A portaria com a regulamentação técnica da segunda fase do programa Minha Casa, Minha Vida deve ser definida pelo governo até hoje segunda-feira (27), segundo o diretor de Habitação e Infraestrutura da Caixa, Teotônio Rezende. Com a publicação da portaria, a Caixa já poderá começar a trabalhar na segunda fase do programa, lançada no último dia 16 pelo governo.

O diretor informou que a regulamentação foi discutida internamente pela Caixa e seguiu para análise dos ministérios das Cidades e do Planejamento. A segunda fase do programa prevê a construção de 2 milhões de unidades habitacionais, número que ainda pode ser ampliado em 600 mil a depender do andamento do programa. Serão investidos R$ 125,7 bilhões.

De acordo com Rezende, a portaria irá formalizar questões técnicas do programa, como a definição de valores máximos dos imóveis para cada cidade.

Segundo o diretor, o volume de novas contratações de crédito habitacional da Caixa, até o dia 17 de junho, chegou a R$ 30,8 bilhões, um crescimento de 4% em relação ao mesmo período de 2010 (R$ 29,6 bilhões). “Quando se compara com o ano passado, estamos quase no mesmo nível. Mas isso acontece porque no início do ano passado, operamos com quase todas as linhas, inclusive com a faixa um [até três salários mínimos] do Minha Casa, Minha Vida”, afirmou.

A Caixa está aguardando a regulamentação da segunda fase do programa, para iniciar a operação com a primeira faixa de renda (até R$ 1,6 mil por mês na área urbana) neste ano. Segundo Rezende, na comparação com 2010 (excluídos os resultados referentes à primeira faixa de renda), o crescimento do crédito imobiliário da Caixa este ano é 17%. A expectativa da Caixa é fechar este ano com R$ 81 bilhões de novas contratações de crédito habitacional.